23 / 12 / 2016
CREMERJ entra com ação para garantir salário de médicos
O CREMERJ entrou, nessa sexta-feira, 23, com a ação civil pública n º 0185008-22.2016.4.02.5101 contra o governo do Estado para garantir o pagamento integral dos salários dos médicos servidores públicos. O pedido requer a regularização imediata dos vencimentos e demais benefícios, que se encontram em atraso há quatro meses. 

Desde o final de 2015, os médicos que trabalham na rede pública do Estado têm convivido com atrasos constantes em seus pagamentos. Em algumas unidades, os médicos não recebem há mais de 120 dias. 

“Esta situação não pode mais continuar. É direito de todo trabalhador receber seu salário e com os médicos não é diferente. Os colegas não podem ser penalizados pela crise provocada pelo governo. Trabalho sem remuneração equivale à escravidão. Os médicos querem exercer seu trabalho com ética e dignidade”, declarou o presidente do CREMERJ, Pablo Vazquez.