22 / 03 / 2017
CREMERJ reforça apoio ao cooperativismo médico

O CREMERJ reforça seu apoio ao cooperativismo médico na saúde suplementar, pois o compreende como um importante segmento para a atuação médica. As cooperativas médicas geram emprego para milhares de profissionais de saúde e prestam assistência efetiva e de qualidade aos seus usuários. No Estado do Rio de Janeiro existem 20 cooperativas que atendem mais de 1 milhão de clientes.

O cooperativismo representa uma alternativa sadia tanto para os trabalhadores que nele atuam como para quem utiliza seus serviços. Além disso, as cooperativas médicas têm um compromisso com o desenvolvimento da saúde brasileira, promovendo a capacitação e a qualificação em muitas áreas para seus colaboradores e cooperados.

A Unimed Rio tem travado importantes batalhas em meio à grave crise econômica nacional para manter a qualidade de seus serviços e promover sua recuperação financeira.

O CREMERJ defende a continuidade da Unimed Rio, porque esta também é a defesa dos médicos que trabalham na cooperativa e dos seus usuários.