19 / 12 / 2017
Café com a Cocem debate questões éticas na Petrobras

Os diretores do CREMERJ Serafim Borges e Erika Reis estiveram reunidos nessa terça-feira, 19, com a Comissão de Ética Médica da Petrobras e mais de 25 médicos para a edição de dezembro do Café com a Cocem. O encontro debateu dúvidas dos profissionais e teve participação da assessoria jurídica do Conselho. Foram apresentados também os programas complementares de assistência médica desenvolvidos pela gestão em saúde da Petrobras, como o de incentivo à atividade física e o programa de saúde mental, entre outros.

“A Petrobras é uma das poucas instituições que tem uma comissão de ética médica sem que seu negócio principal seja a saúde. Mesmo que esse não seja o foco da empresa, temos muitos profissionais médicos e de saúde. Aqui, o cuidado se dá cotidianamente dentro da organização. Médico e paciente trabalham lado a lado, e isso faz com que as questões éticas, muitas vezes, fiquem mais difíceis, porque não há esse escudo do distanciamento”, comentou Eduardo Bahia, membro da Comissão de Ética Médica da Petrobras.

Durante o encontro, os médicos e a Comissão de Ética apresentaram uma série de dúvidas que costumam surgir no dia a dia das equipes da empresa, que são compostas por profissionais próprios e terceirizados. Entre os assuntos, estavam a relação entre os profissionais com diferentes tipos de contratação, o ato médico e a multidisciplinaridade, os atestados e prontuários médicos, o papel da comissão de ética e da comissão de prontuários médicos, o preenchimento do prontuário médico, a responsabilidade técnica e a relação médico-paciente.

A diretora Érika Reis parabenizou a adesão dos funcionários ao debate e ressaltou a importância das comissões de ética nas unidades de saúde e nas empresas.

“Estamos muito felizes em encontrar profissionais tão interessados em debater as questões éticas que envolvem o seu dia a dia. É importante que os médicos sejam próximos de suas comissões de ética médica, pois elas são fundamentais para a melhoria da assistência médica nas unidades. Além disso, podem dar respaldo aos colegas e fazer interlocução com a direção. Vocês estão de parabéns”, disse Erika Reis.

Participaram do encontro os membros da Comissão de Ética Elizete Pires Maggessi, Helena Carpilovsky de Vasconcellos, Eduardo Bahia, Livia Xavier Moulin e Eduardo Leal Souto, além de outros médicos da Petrobras e o gerente de saúde, Rafael Albuquerque.